quarta-feira, 13 de julho de 2011


O churrasco era comum.
A conversa era descontraída, mas a situação era diferente.
O assunto não era mais faculdade, formatura, namorado, nem festa.
O papo era recheiado de trabalho, casamento e filhos.
"Uma hora essa fase chega pra todo mundo", pensei.
Mas não dá pra disfarçar o medo e a desconfiança do futuro.
Alguns anos atrás era eu dentro da casa dormindo e vendo tv enquanto meus pais estavam com essa conversa na churrasqueira.

2 comentários:

Ana Lu disse...

Fato. Outro dia eu estava pensando em como um dia desses meus pais e meus tios ficavam sentado nas mesas, conversando e bebendo, na casa da vovó, enquanto nós corríamos na varanda. Agora nós já sentamos com os nossos tios, ou mesmo temos a nossa própria mesa, enquanto outra geração de crianças corre na varanda. Assusta pensar assim né?
Beijos!

Gra Porto disse...

Eu já seguia o antigo blog, e agora vou seguir esse.
E se vc acha que a vida muda, espera chegar às vésperas dos 30 pra vc ver! rssss